Home / Segurança da Informação, Cibersegurança e Forense / Blue Team e Red Team: entenda o que são e qual sua importância

Blue Team e Red Team: entenda o que são e qual sua importância

A área de cibersegurança é uma das que mais crescem no mundo inteiro. Segundo a (ISC)², o Brasil tem um déficit de 441 mil profissionais da área. Logo, há uma necessidade imensa de profissionais de segurança para atuar em empresas de todos os portes e segmentos no mercado brasileiro. No ramo de cibersegurança, os profissionais podem atuar em equipes defensivas ou ofensivas, esses termos são conhecidos como Blue Team e Red Team.

Blue Team

Nessa área trabalham os profissionais que possuem conhecimentos em defesas cibernéticas e dos processos envolvidos para garantir a segurança no ambiente que ele trabalha. Enquanto um atacante precisa encontrar apenas uma falha capaz de comprometer o sistema alvo, o profissional de blue team deve pensar em estratégias para mitigar o maior número de vulnerabilidades possível.

Segmentos do Blue Team

– Segurança defensiva;

– Proteção de infraestrutura;

– Controle de danos;

– Respostas a incidentes;

– Segurança operacional;

– Identificação de ameaças;

– Forense Digital.

A área de Blue Team engloba todos esses segmentos, mas não significa que o profissional que escolhe essa área precise saber tudo isso. Geralmente, dentro de cada segmento desse escopo, existem subáreas específicas e profissionais para atuar somente com essas demandas.

Atuar em um Blue Team é recomendado por inúmeros fatores, mas o maior deles é a carência que o mercado tem por profissionais que conheçam de defesa e, principalmente, de normas e padrões de segurança, sejam elas da família ISO 27000, NIST, PCI-DSS, HIPAA, entre muitas outras.

Além disso, sem um time de defesa, com certeza, você está deixando a porta aberta para qualquer criminoso entrar. Não basta apenas ter um firewall e esperar que ele segure tudo sozinho. O firewall, na verdade, é apenas uma das soluções (ou camadas) envolvidas numa operação de Blue Team. 

Para os profissionais da área de Segurança da Informação, Cyber Security e Perícia Forense Digital:

Você sabe o quanto você vale como profissional?

Faça o QUIZ e descubra!

Red Team

A cor vermelha é bem forte, podendo remeter ao conceito de ataque, por isso foi adotada para representar esse time, que tem um papel fundamental dentro de uma organização, principalmente para identificar vulnerabilidades antecipadamente. 

Segmentos do Red Team

– Segurança ofensiva;

– Ethical Hacking;

– Análise de vulnerabilidades;

– Testes de intrusão;

– Engenharia social.

A área de Red Team foca em validar se os controles de segurança foram bem implementados. Para isso, são executados testes extensivos com o objetivo de comprometer o ambiente em análise. Esses testes simulam as mesmas ações que um hacker malicioso teria. Dessa forma, é possível identificar problemas de segurança com antecedência e prontamente aplicar os mecanismos de defesa necessários.

Blue Team e Red Team precisam estar sempre atentos e trabalhando lado a lado para ficar por dentro das ameaças e trazer as melhores soluções de segurança para dentro da organização e principalmente apontar os gaps a serem corrigidos e tratados de maneira adequada. 

Quer ser um profissional capacitado na área de cibersegurança?

Confira a pós-graduações de Cyber Security e aprenda na prática com aulas HANDS-ON!

Sobre Cristian Souza

mm
Consultor de cibersegurança, professor do IDESP e palestrante. Tem experiência nas áreas de segurança da informação, visão computacional e inteligência artificial.

Confira tambem

Três pilares para se conseguir uma estratégia de segurança cibernética eficaz

A inovação tecnológica – a evolução contínua da computação em nuvem, o rápido aumento na …